Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

Um pequeno passo para a Humanidade... Um grande passo para mais de 20 mil Almas!

 

 

 

Capture.JPG

 

Nao há palavras que descrevam a euforia que foi receber a notícia que ontem, dia 13 de Fevereiro, a petição para melhoria das condições dos doentes com DII teve o seu relatório aprovado por unanimidade na Comissão Parlamentar de Saúde. É certo que é só um pró-forma, que não traz nada em concreto (ainda) para os mais de 20 mil portugueses que lidam diariamente com Crohn ou Colite Ulcerosa. Têm sido meses intensos de muito trabalho, nem sempre à vista de todos. E apesar de simbólico, ontem foi um dia em que eu e a Ângela (a outra peticionária) sentimo-nos como se nos tivesse saído o Euromilhões. Podem ver a petição, as reuniões que já tivemos e o relatório que foi ontem aprovado no site CrohnColite.pt

 

O que se segue?

Bom, agora, segundo a legislação em vigor, os serviços administrativos da Assembleia da República têm 60 dias para marcar a discussão em Plenário da petição e do que nela se pede. Ou seja, têm um prazo para nos indicar a data, que obviamente, espera-se o mais rápido possível. É por isso importante que não se deixe cair no esquecimento, que se continue a falar da petição e nas Doenças Inflamatórias do Intestino e que se continue a partilhar este post que publiquei no Escadinhas há uma semanas. Lembrem-se: o que queremos agora é que a discussão em Plenário tenha lugar o mais rápido possível. Parece que não, mas já lá vai um ano desde que esta aventura começou. Teremos que esperar quanto mais?

 

Aviso à navegação

Tendo em conta o meu ritmo cardíaco ontem e a minha euforia, aviso desde já que no dia da discussão em Plenário, e se os nossos objectivos forem a bom porto, o ideal é terem serviços médicos de emergência por perto porque terei um colapso cardíaco de felicidade e excitação! 

 

 

 

3 comentários

Comentar post