Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sempre sempre a somar pontos!

7a50fa85816d4f8d03fd68bf083b049a.jpg

 

É sabido que no Verão volto às aulas de uma língua estrangeira e nos últimos 2 anos tenho-me dedicado ao neerlandês (depois de refrescar o francês e o alemão). Masoquista, é o que se sou. Isto porque aulas de línguas no Verão significa curso intensivo. Ou seja: 3 semanas com 4h diárias (seguidas) de aula. Equivale a abrir a cabeça e enfiarem um nível directamente na massa cinzenta. Dói. Muito. Mas resulta. 

 

A primeira aula deste ano  começou logo em grande e passei 4h a rever gramática. Acreditem: colonoscopias sem anestesia ao lado de gramática neerlandesa é mel! E eu tenho muita experiência em colonoscopias, como sabem!

 

A segunda aula revelou todo o potencial que existe em mim e como se prevê que as próximas duas semanas e meia se desenrolem. Senão atentem ao brilharete desta menina: 

 

 

7 conclusões depois de ter começado a aprender uma nova língua

IMG_20170808_083223.jpg

 

Num tipo de loucura induzido pelas hormonas do amor, lá em casa decidimos aprender a língua nativa de cada um: eu neerlandês, ele português. É por isso que durante três semanas em Agosto, tenho 4h15 diárias de neerlandês. Das 8h30 as 12h45. 3 semanas. Na verdade comecei a ter aulas em Outubro do ano passado, 1 vez por semana. Sinceramente, não resulta. Duas horas por semana para aprender uma língua nova é treta, acrescido que não me conseguia entender com o método de ensino da professora. Resolvi mudar. Fiz um teste de nível, colocaram-me no nível A2 e 'bora lá fazer um curso intensivo no Verão para ver se a coisa descola. 
Cheguei a algumas conclusões que partilho:
 
1) Português tem vários sons. Ajuda a aprender mas depende verdadeiramente de que língua se quer aprender. Neerlandês tem ainda mais sons que duvido alguma vez vir a ser capaz de os pronunciar propriamente. 
 
2) Ao fim de muitas horas de aprendizagem, já não tenho a sensação que quando falam neerlandês estão a rasgar

 

Perdi a cabeça e atirei-me!

flanders-language.jpg

Vivo num país onde existem três línguas oficiais (francês, neerlandês e alemão) e eu falo uma, arranho outra e a terceira soa sempre papel rasgado com a boca. Como ando a sentir saudades de escolinha e de pôr o neurónio a fazer algo mais para além de espaço e trabalho e livros fofinhos e queridos, decidi que a minha reentré (que se espera seja em Outubro) seja igualmente um momento de começar a fazer algo mais. Por isso, num acto  de loucura, inscrevi-me para aprender neerlandês. Entregarei a alma ao Criador e seja o que Ele quiser,  porque daquilo que me tentaram ensinar até agora, não sou muito talentosa para rasgar papel com a boca.

 

Se isto  correr bem, talvez me atire de cabeça para um curso de pintura ou de desenho. Para iniciados. De preferência daqueles a partir dos 6 anos. O meu talento para artes está par a par com o meu nível de neerlandês.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogs de Portugal

Bloglovin