Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

03 de Maio, 2017

Quem faz o que pode, a mais não é obrigado!

Vera Gomes

18198433_1445060422221952_34328770223600572_n.jpg

 

O Humor pode ser, então, uma estratégia para reagir ao sofrimento. Uma espécie de mau perder que leva o humorista, não a adaptar-se ao mundo, mas a afeiçoa-lo a si - mesmo que, para isso, tenha que dobrá-lo, torcê-lo, virá-lo do avesso. Essa acção opera sobre as coisas uma mudança que, embora extraordinariamente radical, é apenas aparente - e, portanto, inútil. É uma atitude de valor equivalente à da criança que, depois de levar uma palmada, diz, de lárgimas nos olhos: "Não me doeu". 

in A Doença, o Sofrimento e a Morte entram num bar, de Ricardo Araújo Pereira

 

Esta é a minha forma de reagir. Tal e qual nas palavras do Ricardo Araújo Pereira. O humor com que conto o que se vai passando é simplesmente a minha forma de me enganar a mim própria. De tornar o sofrimento mais ligeiro e recusar admitir a derrota. Todas reagimos de forma diferente, mas quem tem uma doença para o resto da vida como o Chron ou uma Colite, sabe que o dia-a-dia é feito de negação: negar que temos que parar; negar que estamos num esforço atroz; negar que a nossa vida é comandada por uma doença e não pela nossa vontade. 

 

Maio é o mês de consciencialização das Doenças Inflamatórias do Intestino. Negar que existem ou negar em falar dalas é pura estupidez. 

1 comentário

Comentar post