Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

05 de Outubro, 2020

Outra vez arroz?! 5 dicas que vão mudar o vosso palato!

Vera Gomes

Post para Instagram Simples Minimalista (1).png

 

Na minha primeira crise de Colite Ulcerosa, nos tempos idos de 2007/2008, passei um ano em que praticamente só comi arroz seco (vulgo arroz branco), carne branca ou peixe grelhado. É muito giro e saudável e o camandro, até ao momento em que comes o mesmo dias a fio.

É certo que o arroz é aquela rolha magnifica para quando se tem diarreia (pelo menos comigo). Como boa portuguesa que sou, adoro arroz, mas pronto... também tenho os meus limites. Desde essa época que quando vejo arroz branco seco, confesso, torço o nariz. Tento dar-lhe algum sabor só para não ser tão insípido e escorregar melhor goela abaixo. É por isso, ávidos consumidores de arroz seco, que vos deixo algumas das minhas dicas magnificas para tornarem o vosso arroz mais prazenteiro e surpreendente:

 

1) Cenoura raspada

Esta é provavelmente aquela dica mais básica e que até a nossa avózinha sabe. Cenoura raspada antes de colocarem o arroz no tacho não vai dar um sabor muito forte, mas dará um gostinho simpático.

2) Ramo de salsa

Quem diz salsa, diz outra erva. Depois de colocarem a água no arroz, afinfem-lhe com um ramo ou dois de salsa. Se não apreciarem salsa, podem juntar outra erva que gostem.

3) Tomate

Descasquem um tomate (ou dois) e enfiem-no no tacho antes de colocarem o arroz. Cuidado com as sementes do tomate, já que dependendo do vosso quadro clínico pode não ser uma boa ideia comê-las.

4) Caldo

Cá em casa volta e meia fazemos caldos (caldo de peixe, caldo de carne), enfiamos em sacos de fazer cubos de gelos e metemos no congelador. Vantagem, sabem tudo o que lá está e podem ir usando nos vossos cozinhados. Incluindo no arroz para dar um saborzinho gostoso, né? (ler com sotaque brasileiro para efeito total)

5) Raspa de lima

Esta é aquele truque que deixa o arroz com um sabor fresco que até faz lembrar a música da Dina. Consite em raspar lima para o arroz, mexer bem e servir.

 

Desse lado, alguma dica que queiram partilhar para tornar o arroz seco mais atraente ao paladar?

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.