Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Confesso: numa tinha imaginado que fosse desta maneira...

IMG_20180901_115942.jpg

 

 

Quem segue o blog no Facebook, sabe que no Sábado passdo fui buscar um medicamento que comecei a fazer recentemente. Um biológico chamado Humira para se conseguir pronunciar (adalimumab para os entendidos), que existe em versão caneta ou seringa, em que o paciente auto-injecta-se numa periocidade a definir pelo médico (normalmente de duas em duas semanas, mas em certos casos - como é o meu - todas as semanas). 

 

O Humira faz parte da categoria dos medicamentos biológicos (já falei deles aqui) e tem um custo upa upa. Em Portugal, apenas médicos especialistas no Serviço Nacional de Saúde o podem prescrever para doentes com Doença Inflamatória do Intestino. Ao contrário doutros países (Bélgica por exemplo), os medicamentos na categoria dos "biológicos" são comparticipados a 100% e fornecidos directamente na farmácia do Hospital. 

 

 

Aqui na Bélgica o sistema é diferente: depois de pedir autorização para reembolso, tenho que levar o documento que recebo e a receita e ir a qualquer farmácia e encomendar o medicamento. Foi isso que fiz, e no Sábado fui levantar 12 canetas. 

 

Sempre soube que este tipo de medicamento é caro (até porque não é o primeiro que biológico que faço). Mas confesso que quando estava a guardar as caixas no frigorificio (onde esta medicação tem que ser guardada), vi a etiqueta da farmárcia. E devo confessar, numa pensei que segurar (um pouco mais de) 3000 (sim três mil) euros fossem assim. Já imaginei de muitas formas, mas duas caixinhas, que parecem tão insignificantes, valem um balúrdio. Não só pelo custo mas também pela qualidade de vida que traz à maioria das pessoas que tomam esta medicação. 

 

IMG_20180901_114222.jpg

 

 

Resumindo, ainda estou a tentar recuperar desta sensação estranha que me assola de ter mais de 6 mil euros ao lado das cervejas do Mais Que Tudo no frigorifico. É simplesmente estranho, não acham?

 

P.S.: Caro Sr. Ladrão: para sua informação a casa tem sistema de alarme um um leão a guardá-la. Por isso, escusa de vir cá assaltar o frigorifico, ok?

 

6 comentários

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Onde compro livros

Blogs de Portugal

Bloglovin