Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

20 de Janeiro, 2020

A extraordinária ciência do humilde peido

Vera Gomes

Em média, uma pessoa saudável peida-se cerca de

 

Aqui há uns dias publiquei no Instagram a minha mais recente aquisição literária: “Fartology: the extraordinary science behind the humble fart”. Claramente este livro era algo que deveria acrescentar à minha humilde biblioteca, apesar da notória falta de espaço nas estantes.

 

Espero honestamente que traduzam este livro para Português, porque sem dúvida, por muito nojento que possa parecer, é um livro interessante. Tomamos muitas coisas por garantidas que já nem as questionamos. E acreditem, por detrás de todo o peido existe toda uma extraordinária ciência: ele é química, biologia, física… quem diria, hein?

 

Tal como prometido no Instagram, preparem-se para que de vez em quando saiam uns posts sobre peidos (chamemos as coisas pelos nomes) , porque afinal de contas, uma pessoa saudável, consciente ou inconscientemente, peida-se em média 15 vezes por dia. Por isso, é mais que justo que reservemos algum do nosso tempo a conhecer este nosso companheiro tão menosprezado.

 

 

2 comentários

Comentar post