Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

17 de Outubro, 2006

Fechaduras

Vera Gomes
Ontem cheguei a casa: bem disposta, segura e firme de mim. Chave na porta. Rodo a chave, uma, duas três vezes. O suficiente para a porta abrir. E eis que... a porta simplesmente não abre. Tento outra vez. Finco o pé na soleira da porta para puxar a porta para mim. Rodo, insisto, insisto e a porta simplesmente não abre.
Sento-me na porta, indrédula com a minha sorte. Tento abrir a porta outra vez. Nada! Sento-me outra vez na soleira e apercebo-me que o espaço era pequeno para o meu rabo e a minha carteira quando esta se estatelou no chão com todo o seu conteúdo espalhado. "Só a mim", pensei.
Ligo para as Chaves do Areeiro. Ninguém atende. Falei com os meus velhotes na esperança que tivessem um arame. (Estou a tornar-me perita em arrombar a minha prórpia casa). Arame nem vê-lo! Mas um senhor, gorducho e simpático, foi tentara sorte dele na porta. E não é que a porta abriu à primeira!!!!!
Envergonhada e incrédula, entro em casa, não sem antes comprar umas castanhas na tasca dos velhotes. Fecho a porta, janto e ouço baterem à porta. Abro e para meu espanto era o meu ex-ex-namorado! De facto há coisas que só a mim!!!!

2 comentários

Comentar post