Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

15 de Setembro, 2020

Quantas vezes já ouviram "é natural, não faz mal!"?

Vera Gomes

Post para Instagram Simples Minimalista.png

 

Quantas e quantas vezes já não ouvimos isto ou algo do género "evitar químicos"? Ou tomar isto ou aquilo porque é natural e por isso não faz mal nenhum?

A Super Coach do Cocó tem algo a dizer-vos, que não é sacado da minha super cabecinha: é mesmo aquilo que está nos livros de química, e bioquímica e biologia, etc:

1) Nem tudo o que é natural faz bem;

2) Tudo, absolutamente tudo é feito de químicos.(H20 diz-vos algo?)

 

adam kay.jpg

 

A página que está na foto é de um médico do britânico chamado Adam Kay, que publicou um livro que é um compêndio do seu diário enquanto médico nos primeiros anos da sua formação, e ilustre um dos casos que parou no hospital com problemas depois de ingerir uns comprimidos "naturais". (Chama-se "VIsto vai doer" e vale a pena ler).  É só um dos milhares de exemplos de interacção entre plantas e medicamentos, ou efeitos nocivos de "suplementos naturais".

Para vossa informação, tudo o que é vendido como suplemento, não tem que fazer prova de segurança nem eficácia, nem tão pouco do que mete lá para dentro. Ao contrário dos medicamentos que têm controlos muitos apertados (e verdade seja dita, que em Portugal é ainda mais apertada do que exigido na legislação europeia).

 

O que é que isto quer dizer?🤔

Que dentro daquelas cápsulas que compraram numa loja qualquer ou naquele terapeuta whatever, na verdade até pode estar mesmo só farinha. Ou até estarem vazias (sim, já aconteceu). Ou até dizerem que têm o produto A e na verdade ter o B. Em doses que podem ser tóxicas para o corpo humano. Ou ter o produto A misturado com o produto B 🤷 .

Por isso, da próxima ver que alguém vos dizer "é natural! Não faz mal!", mandem-nos voltar às aulas de química do sétimo ano e consultar o site do Observatório da Interação Planta-medicamento da Universidade de Coimbra. Tenho a certeza que terão umas leituras interessantes por lá e aprendam que até um chá de camomila interfere com certos tipos de medicação.

 

E por último, deixo-vos a composição química de uma banana. Bom apetite!

banana.png