Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

05 de Dezembro, 2018

3 dicas para reduzir as cólicas intestinais após as refeições

Vera Gomes

download.jpg

 

Quem nunca teve uma cólica na vida que atire a primeira pedra. Nenhuma? Pois... Bem me parecia. Agora, comum dos mortais, multipliquem essa cólica por mil e talvez tenham uma noção do que é o dia a dia para muitos das pessoas que têm uma Doença Inflamatória do Intestino (DII), quer seja Crohn ou Colite Ulcerosa. Se há coisa que as DII não fazem, é discriminar pessoal no que diz respeito a cólicas e sistemas de propulsão integrados para acelerar a velocidade com que andamos na rua.

É certo, sabido e garantido, que durante os períodos de crise, comer pode trazer desconforto abdominal e cólicas. Às vezes é aquela sensação que basta um copo de água para ser o fim do mundo em vento! Alimentação é aquela área em que os portadores de DII têm maiores questões e dúvidas! Até porque mesmo em remissão estes periodos de desconforto abdominal e cólicas podem ocorrer, embora em menor número e intensidade.  

Por isso, encarem estas dicas como algumas formas de reduzir estes sintomas. Não são milagrosos, mas são uma ajudinha: