Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

10 de Janeiro, 2018

Tenho Colite/ Crohn. Viagens: sim ou não?

Vera Gomes

 

Ter Colite Ulcerosa ou Crohn parece por vezes um fim para o mundo. Tem-se receio de sair de casa, tem-se receio de sair da rotina, tem-se receio de viajar! Mas o diagnóstico implica tornar-se num bicho que nunca sai do buraco? Pois claro que não! Com alguns cuidados e precauções (a maioria válidos para todos os viajantes), podem fazer uma viagem ao mundo sem qualquer problema. Já tinha mencionado algumas dicas aqui, mas aqui fica uma lista mais exaustiva a terem em consideração quando forem marcar as vossas férias de Verão. 

 

1) Verificar o país de destino e registo viagem

Quando começarem a planear a vossa viagem, convém saber um bocadinho mais sobre as hipóteses em cima da mesa. O site do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Conselhos aos Viajantes é obrigatório. Sobretudo quando viajarem para fora da Europa. Aqui conseguem encontrar informaçao sobre necessidade de visto ou não (para cidadãos portugueses ou portadores de passaporte português), que vacinas são requeridas e até informação sobre o clima, segurança e contactos úteis.  É