Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

18 de Agosto, 2016

Tentem lá adivinhar quantas flores tem?

Vera Gomes

BGPH8559.jpg

 

De dois em dois  anos,  a  Grand Place cobre-se com um  tapete  feito de flores. São milhares delas dispostas de forma a formar padrões alusivos a um tema.  Este ano vi pela segunda vez  o tapete. O tema de 2016 foi o 150º aniversário das relações Bélgica - Japão. 

 

Confesso que tendo em conta o tapete de 2014, este ano o padrão foi bem mais simplista, quiçá a fazer jus ao minimalismo nipónico. Ainda assim, é impressionante vê-lo e reter que toda a montagem é feita numa tarde e podem vê-la na timelapse do vídeo abaixo:

 

 

17 de Agosto, 2016

Quando é Verão em Bruxelas...

Vera Gomes

IMG_20160817_153749.jpg

...todos saem para o parque mais próximo e aproveitam o bom tempo. Uns trazem livros para ler. Outros fazem  pic-nics enquanto põem a conversa em dia. Outros fazem desporto.  Outros passeiam-se a pé vagarosamente. Outros fazem caminhadas com o seu amigo de quatro patas.  Outros põem protector solar, despem-se e trabalham para o  bronze. Assim é o Verão em Bruxelas. Aquele à séria que dura um ou dois dias....

17 de Agosto, 2016

Uma especie de Karma: para ler, reler e nunca esquecer

Vera Gomes

# dizer o que sentes será sempre um sinal de força [e de ter o coração no lugar certo].

# acreditar que para tudo há uma solução não é só optimismo, é fé.

# a esperança estará [sempre] onde a deixares entrar. confia.

# quem tem um sol dentro, não tem medo do escuro [de nenhum escuro da vida].

# quando quiseres pedir, pede coisas simples: que nunca te falte amor e [bons] amigos.

# é de batalhas que se vive a vida. tenta outra vez.

# há pessoas que te dão mais vida. escolhe bem as tuas.

# a tua intuição é a tua Mãe invisível: ouve-a. ela sabe [sempre].

# às vezes, és mesmo muito feliz e nem te dás conta. [não te distraias - nunca - de ti]

 

retirado daqui

12 de Agosto, 2016

Bertrand, se estás a aí, isto é para ti!

Vera Gomes

Numa curta aparição por terras lusas, fui abastecer-me de literatura em português para os próximos tempos. Desta vez, fui à Bertrand no Norteshopping. Como tinha uma lista de livros abordei uma funcionária, que infelizmente não me lembro o nome. Bertrand: façam o que fizerem, não a percam! Esta rapariga nos seus vinte e poucos anos, óculos de massa preta e tatuagens num braço é uma verdadeira entusiasta de livros. Ouvi-a a falar com outros clientes e depois enquanto me atendia, e a rapariga irradia uma paixão por livros contagiante! E sempre sempre com uma atitude bastante postiva para o cliente, dispoível para todas as perguntas, por mais idiotas que fossem, e para com base em leituras anteriores, perceber o estilo de livro que o cliente gosta e de imedito fazer recomendações e revirar a loja se preciso para responder às necessidades do cliente. 

 

Infelizmente, não há muita gente assim: que tem a sorte de trabalhar na sua paixão e que tem disponibilidade para ouvir o outro e dar o seu melhor para o fazer feliz. Eu sai da livraria carregada de livros. Mais não trouxe porque só viajava com bagagem de mão e não dava mais. 

 

Bertrand, se me estás a ouvir, eu não sei o nome da rapariga, mas estima-a bem! Porque tenho a certeza que funcionários como ele encontrarás muito poucos!

 

Se entretanto alguém passar por lá, cruzar-se com ela e descobrir o nome, partilhem. Terei todo o gosto em incluir o nome dela no post. 

11 de Agosto, 2016

Freguês que se segue

Vera Gomes

IMG_20160808_090048.jpg

 

Confesso que não me lembro de alguma vez ter lido Aquilino Ribeiro (e não conta durante o período escolar). Por isso, numa escapadinha à tugalândia, "Quando os Lobos Uivam" pareceu-me uma boa aquisição. Já o comecei a ler e pressinto que o Aquilino tem uma escrita mais pesada do que outros autores de época que gosto, o que requer alguma concentração para não perder o fio à meada. Pôr o neurónio a trabalhar també é um dos propósitos da leitura!

 

E por aí: que andam a ler?

10 de Agosto, 2016

Procura-se

Vera Gomes

Images%5Cupload%5C21958---0.jpeg

Raramente compro perfumes. Há ocasiões que recebo tantos perfumes que acabo por não ter que comprar, e quando compro são aqueles que me ofereceram e eu gostei. Não tenho pachorra para estar numa perfumaria a cheirar este e aquele. Basta 5m numa perfumaria para começar a sentir a reinite/ sinute alérgica a vir ao de cima e a enxaqueca a ameaçar. Como sempre fui assim, acabo sempre por usar os mesmos 4 ou 5 perfumes. Vou rodando para variar, mas nunca saio muito do mesmo. 

 

Depois há aqueles perfumes que ficam para uma vida. Aqueles que entram e já não saem, porque gostamos mesmo do odor e porque em alguns casos nos trazem boas recordações, no meu caso relacionadas com quem ou quando me foi oferecido. É o caso do Essence do Narciso Rodriguez. Foi-me oferecido por uma das pessoas que melhor me conhece e por isso todos os perfumes que me ofereceu ao longo de mais de 10 anos de amizde, acertou sempre na mouche. Acontece que o frasco que me ofereceu e os que comprei a seguir acabaram. E quero muito comprar mais um. Para meu grande espanto e indignação, depois de procurar nos duty free dos aeroportos e não o encontrar, acabei por perguntar por ele numa perfumaria. Para meu grande espanto, disseram-me que o Narciso deixou de o fazer! Bandalho!

 

Confesso que não me consigo conformar. Por isso, se há popr aí alguém que leia o blog que por acaso tenha uma estabelecimento comercial que comercialize perfumes e tenha o Essence em stock, é favor contactar-me. Estou interessada em comprar o stock!