Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

A origem das espécies

c3c84dd69723b5650370865b95c3db46.jpg

 

A-D-O-R-O as imagens vintages e morro de curiosidade para saber onde as imagens e ideias são desencantadas. Gosto dos textos e da acutilância, que infelizmente, nem sempre se encontra nos dias em que correm. A Origem das Espécies tem o dom de me deixar com um sorriso e é provavelmente um dos blogs que sigo há mais anos.

Arte é uma Banana #2

No meio de todas as coisas esquisitas e de arte que olhei e pensei "não admira que existam histórias de senhoras da limpeza que varreram a arte", também existiam coisas fofinhas e giras e que até era capaz de levar para casa. Contudo, perguntei apenas preço duas ou três vezes. Depois desisti. Arte contemporânea claramente não é para mim. Quiçá, no próximo ano na Afordable Art Fair (já percebo a razão de existir duas feiras de arte diferente num curto espaço de tempo) consiga encontrar algo adequado ao meu gosto e ao meu saldo bancário.

 

1) Este é de Gabriel de la Mora. Adorei. Acreditem que a foto nao faz justo a este quadro feito com pedaços de alumínio. Já o imaginava na minha sala, pendurado e a

 

 

 

 

Arte é uma Banana

IMG_20160426_112839.jpg

Quem vive em Bruxelas aponta a intensa vida cultural da cidade como um ponto positivo. A oferta é de facto mais que muita e torna-se complicado às vezes escolher o que fazer, onde ir e o que ver porque o tempo (e a carteira) não dá para mais.  No Domingo passado decidi aprofundar os meus parcos conhecimentos e fui à feira de arte contempoerânea de Bruxelas - a Art Brussels. Descobri coisas muito "interessantes":

 

Quantos tipos de tulipas há?

IMG_20160421_174827.jpg

Castelo Grand-Bigard

 

A Floralia é uma exposição de... flores. Tulipas aos rodos espalhadas por mil metros quadrados que envolvem o Castelo Grand-Bigard. Note-se que o castelo está para o belga como o palácio está para os tugas.

 

O espaço é magnifício, bem arranjado e colorido. Sente-se o perfume das flores no ar, há uns patos (estupores!) que tratam da relva e tudo está impecávelmente limpo!

 

Quanto à pergunta do título deste post: não faço a ideia! Mas depois de ter visitado a Floralia, creio ser válido dizer que existem bués! Ficam abaixo algumas fotos. Note-se que tirando o pavão (que é feito de amores perfeitos) todas as outras flores (por muito estranhas que pareçam) são tulipas!

 

IMG_20160421_173843.jpg

IMG_20160421_162613.jpg

IMG_20160421_161849.jpg

IMG-20160421-WA0000.jpeg

 

IMG_20160421_161215.jpg IMG_20160421_161148.jpg

Quem sai aos seus

 

Faz-me lembrar esta série dos anos 80 que eu via e devorava. Bons velhos tempos em que eu era mais nova e que achava que as famílias nas américas eram todas divertidas e unidas. Lembro-me que sentia inveja por não ter irmãos ao ver a ligação que existia entre os três irmãos da série.

 

Pág. 1/4