Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

19 de Abril, 2012

Tenho curiosidade....

Vera Gomes
 
 
Década de 30 em São Salvador da Bahia, Brasil. Os Capitães de Areia são um grupo de meninos abandonados e marginalizados que, ao tentar sobreviver nas ruas à custa de pequenos crimes, aterrorizam a cidade. Pedro Bala (Jean Luís Amorim) é uma espécie de pai para os outros que descobre ser filho de um sindicalista morto durante uma greve. O Professor (Robério Lima) adora ler e possui um enorme talento como desenhista. Gato (Paulo Abade) é o sedutor nato que acaba por conquistar a prostituta Dalva (Ana Cecília). Sem- Pernas (Israel Gouvêa) é um menino coxo que odeia a polícia e Dora (Ana Graciela), a única capitã de Areia alguma vez aceite no grupo, é a menina doce que se tornou na "irmã" dos mais velhos e na "mãe" dos mais pequenos. E será por ela que tanto Pedro Bala como o Professor se apaixonam.

Primeira longa-metragem de Cecília Amado e de Guy Gonçalves, "Capitães de Areia" baseia-se na obra homónima de Jorge Amado, avô de Cecília. O livro foi, na altura da sua publicação em 1937, perseguido pelo Governo brasileiro que o acusava de se tratar de propaganda comunista: 808 exemplares foram queimados em praça pública. A banda sonora original do filme pertence ao conhecido cantor baiano Carlinhos Brown.