Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

Kimboios e Barbies

Ontem andei de comboio durante 4h30. Como devem calcular é muita hora seguida e dormi durante parte da viagem. Também sonhei.
Sonhei com duas barbies do século XXXI em plena Guerra das Estrelas. Eram altas, mas apenas devido aos 10 centimetros de plástico da sola das botas. Vestiam-se de preto e vermelho. Mais preto do que vermelho. Usam vinil. Muito vinil. Uma de cabelos pretos (as loiras extinguiram-se por não perceberem como criar filhos) e outra de longos cabelos ruivos com uma pequena flor a segurar o cabelo por cima da orelha.
A de cabelo preto vestia um vestido curtíssimo: uma mistura de espartilho do século XIX mas feito em vinil e portanto adaptado ao século XXXI. As meias padrão leopardo em tons de vermelho e preto salientavam as coxas roliças. O tom pálido da sua pele era ofuscado pelo brilho do vinil nas botas, no vestido, da mala.
A outra Barbie versão ruiva, envergava um vestido tipo "menina de ballet versão gótica". Longos cabelos ruivos, com duas florzinhas por cima da orelha. As suas meias vermelhas às riscas pretas eram uma clara alusão à Pipi das Meias Altas. Há tradições que nunca se perdem.
Entretanto o comboio deu um solavanco. E apercebi-me que estava a acordada. E que aquelas duas Barbies do Século XXXI, de vinil e afins, estavam de facto ali. Eram de carne e osso e estavam no século XXI. Olhei para elas. Deviam ter uns 40/ 50 anos no minimo. Fiquei aterrorizada e pensei que seria uma obra de caridade oferecer um espelho de corpo inteiro às duas personagens. Depois pensei que deveriam ser actrizes porno ou algo do genero. Mais tarde percebi que eram duas mulheres que pararam no tempo, quando tinham 20 anos e adoravam a "cena" gótica.

Conto erótico judeu

Isaac era milionário. Não se tinha casado para não gastar dinheiro. Seu único luxo era a sua empregada, Jacinta, uma morena para lá de boa.
Todos os dias, durante anos, quando Isaac chegava em casa, Jacinta servia o jantar e ia tomar banho.
Um dia, Isaac estava a jantar e ficou a ouvir o barulho da água, pensando na Jacinta a tomar banho. Mastigava a comida e pensava na Jacinta tomando banho...Mastigava a comida e pensava na Jacinta tomando banho... Até que se levantou e foi até à casa de banho. Bateu à porta:
- Jacinta, você está a tomar banho?
- Estou sim, Sr. Isaac.
- Jacinta, abre a porta para o Isaac.
- Mas Sr. Isaac, estou nua !
- Jacinta, abre a porta para o Isaac.
- Mas Sr. Isaac...
- Jacinta, ABRE A PORTA!
E Jacinta abriu a porta a Isaac.
Este entra na casa de banho, vê a Jacinta nua, esplendorosa, e pergunta:
- Jacinta, quer f... o Isaac?
- Mas Sr. Isaac..., eu não sei (voz trémula, com as mãos no sítio)
- Jacinta, quer F....o Isaac ou não quer? (exaltado)
- Sim, quero sim, Sr. Isaac. (voz resignada, fugidia)
> Então Isaac salta bem em cima dela.... põe a mão na torneira, fecha-a e grita:
- Não vai f.... o Isaac não! Chega de gastar água!!!

Música do Dia

Ella - Bebe

Ella sá cansao de tirar la toalla,
se va quitando poco a poco telarañas.
No ha dormido esta noche
pero no está cansada,
no ha mirao ningún espejo
pero se siente tó guapa.

Hoy ella sá puesto color en las pestañas,
hoy le gusta su sonrisa, no se siente una extraña,
hoy sueña lo que quiere, sin preocuparse por nada,
hoy es una mujer que se da cuenta de su alma.

Hoy vas a descubrir que el mundo es sólo para ti,
que nadie puede hacerte daño, nadie puede hacerte daño.
Hoy vas a comprender que el miedo
se puede romper con un sólo portazo.
Hoy vas hacer reír porque tus ojos
se han cansao de ser llanto, de ser llanto,
hoy vas a conseguir reírte hasta de ti
y ver que lo has lograo.

Hoy vas a ser la mujer que te dé la gana de ser,
hoy te vas a querer como nadie te ha sabio querer.
Hoy vas a mirar pá 'lante que pá tras ya te dolió bastante,
una mujer valiente, una mujer sonriente,
mira como pasa, ja!

Hoy ha nacio la mujer perfecta que esperaban,
ha roto sin pudores las reglas marcadas.
Hoy ha calzado tacones para hacer sonar sus pasos,
hoy sabe que su vida nunca más será un fracaso.

Hoy vas a descubrir que el mundo es sólo para ti,
que nadie puede hacerte daño, nadie puede hacerte daño.
Hoy vas a conquistar el cielo sin mirar lo alto que queda del suelo.
Hoy vas a ser feliz aunque el invierno sea frío y sea largo, y sea largo,
hoy vas a conseguir reírte hasta de ti
y ver que lo has lograo.

Hoy vas a descubrir que el mundo es sólo para ti,
que nadie puede hacerte daño, nadie puede hacerte daño.
Hoy vas a comprender que el miedo
se puede romper con un sólo portazo.
Hoy vas hacer reír porque tus ojos
se han cansao de ser llanto, de ser llanto,
hoy vas a conseguir reírte hasta de ti
y ver que lo has lograo.

Ninguém Morre Antes da Hora

Na semana passada fui a um velório... Morte é uma situação que confesso, não sei lidar muito bem. Que dizer? Nada do que possamos dizer fará passar o sofrimento das pessoas.
Hoje tropecei no texto seguinte e faço de Montaigne as minhas palavras.

Ninguém morre antes da hora. O que deixais de tempo não era mais vosso do que o tempo que se passou antes do vosso nascimento; e tampouco vos importa, Com efeito, considerai como a eternidade do tempo passado nada é para nós (Lucrécio). Termine a vossa vida quando terminar, ela aí está inteira. A utilidade do viver não está no espaço de tempo, está no uso. Uma pessoa viveu longo tempo e no entanto pouco viveu; atentai para isso enquanto estais aqui. Terdes vivido o bastante depende da vossa vontade, não do número de anos. Pensáveis nunca chegar aonde estáveis indo incessantemente? E no entanto não há caminho que não tenha o seu fim. E, se a companhia vos pode consolar, não vai o mundo no mesmo passo em que ides? Todas as coisas seguir-vos-ão na morte (Lucrécio). Tudo não dança a vossa dança? Há coisa que não envelheça convosco? Mil homens, mil animais e mil outras criaturas morrem nesse mesmo instante em que morreis: Pois nunca a noite sucedeu ao dia, nem a aurora à noite, sem ouvir, mesclados aos vagidos da criança, os gritos de dor que acompanham a morte e os negros funerais (Lucrécio).

Michel de Montaigne, in 'Ensaios'

(re)Descobri!

Acabei de (re)descobrir uma música que acho terrivelmente sensual e que dá vontade de abanar o corpinho: "Queer" dos Garbage!

Hey boy, take a look at me
Let me dirty up your mind
I'll strip away your hard veneer
And see what I can find

The queerest of the queer
The strangest of the strange
The coldest of the cool
The lamest of the lame
The numbest of the dumb
I hate to see you here
You choke behind a smile
A fake behind the fear
The queerest of the queer

This is what he pays me for
I'll show you how it's done
You learn to love the pain you feel
Like father like son

The queerest of the queer
Hide inside your head
The blindest of the blind
The deadest of the dead
You're hungry cause you starve
While holding back the tears
Choking on your smile
A fake behind the fear
The queerest of the queer

I know what's good for you (You can touch me if you want)
I know you're dying to (You can touch me if you want)
I know what's good for you (You can touch me if you want)
But you can't stop

The queerest of the queer
The strangest of the strange
The coldest of the cool
The lamest of the lame
The numbest of the dumb
I hate to see you here
You choke behind a smile
A fake behind the fear
The queerest of the queer
The strangest of the strange
The coldest of the cool
You're nothing special here
A fake behind the fear
The queerest of the queer

I know what's good for you
I know you're dying to
I know what's good for you
I bet you're dying to
You can touch me if you want
You can touch me if you want
You can touch me
You can touch me
But you can't stop.

Frase do dia

Após a consulta diária aum blog de um amigo, resolvi eleger uma das frases que escreveu como a frase do dia.

"Mas, ao olhar à minha volta, cada vez mais me convenço que, um dos melhores negócios do mundo seria comprar um homem pelo valor que ele vale e vendê-lo pelo valor que ele pensa que vale."

Acrescento ainda que esta frase é válida tanto para homens como mulheres. Humildade, fica sempre bem.

Gestão por Objectivos

Era uma vez uma aldeia onde viviam dois homens que tinham o mesmo nome: Joaquim Gonçalves.
Um era sacerdote e o outro, taxista. Quis o destino que morressem no mesmo dia.
Quando chegaram ao céu, São Pedro esperava-os.
- O teu nome ?
- Joaquim Gonçalves.
- És o sacerdote ?
- Não, o taxista.
São Pedro consulta as suas notas e diz:
- Bom, ganhaste o paraíso. Levas esta túnica com fios de ouro e este ceptro de platina com incrustações de rubis. Podes entrar.
- O teu nome ?
- Joaquim Gonçalves.
- És o sacerdote ?
- Sim, sou eu mesmo.
- Muito bem, meu filho, ganhaste o paraíso. Levas esta bata de linho e este ceptro de ferro.
O sacerdote diz:
- Desculpe, mas deve haver engano. Eu sou o Joaquim Gonçalves, o sacerdote!
- Sim, meu filho, ganhaste o paraíso. Levas esta bata de linho e...
- Não pode ser! Eu conheço o outro senhor. Era taxista, vivia na minha aldeia e era um desastre! Subia os passeios, batia com o carro todos os dias,
conduzia pessimamente e assustava as pessoas. Nunca mudou, apesar das multas e repreensões policiais. E quanto a mim, passei 75 anos pregando todos os domingos na paróquia. Como é que ele recebe a túnica com fios de ouro e eu.....isto ?
- Não é nenhum engano - diz São Pedro. Aqui no céu, estamos a fazer uma gestão mais profissional, como a que vocês fazem lá na Terra.
- Não entendo!.
- Eu explico. Agora orientamo-nos por objectivos.
- É assim: durante os últimos anos, cada vez que tu pregavas, as pessoas dormiam.
- E cada vez que ele conduzia o táxi, as pessoas começavam a rezar.
- Resultados! Percebeste meu filho? Gestão por Objectivos!

Pág. 1/2