Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

Escadinhas do Quebra Costas

(con)Viver com Doenças Inflamatórias do Inflamatórias do Intestino. Aventuras, desventuras e muita galhofa! Que a rir custa menos e por isso "Sou feliz só por preguiça."

21 de Março, 2006

A ignorância portuguesa

Vera Gomes
É arrepiante a ingorância portuguesa. Estava eu a ouvir a SIC Noticias que resolveu ir a universidades e fazer inquérito de rua. A pergunta é: "O que é o Eurostat?". 90% dos entrevistados não fazia a minima ideia do que é. Uns diziam que era algo relacionado com bolsa (????) outros simplesmente respondiam "Não faço a minima ideia". Tendo em conta que Portugal está na União Europeia desde 1986 (na altura ainda era CEE) é vergonhosa a falta de interesse português por questões europeias. Serão estes os futuros quadros nas empresas? Serão este os futuros decisores portugueses? Causa arrepios saber que oserão estes ignorantes que um dia irão tomar decisões importantes, tanto para as empresas, como para Portugal.
Quem não sabe aqui fica: o Eurostat é o maior centro europeu de estatísticas em várias questões como a economia, política, etc e tal. Existe desde 1953 e todos os anos publica um anuário com as estatísticas elaboradas ao longo do ano.
21 de Março, 2006

Dia da Poesia - Homenagem a Camões, o Zarolho

Vera Gomes
Tanto de meu estado me acho incerto,
que em vivo ardor tremendo estou de frio;
sem causa, juntamente choro e rio,
o mundo todo abarco e nada aperto.

É tudo quanto sinto, um desconcerto;
da alma um fogo me sai, da vista um rio;
agora espero, agora desconfio,
agora desvario, agora acerto.

Estando em terra, chego ao Céu voando,
numa hora acho mil anos, e é de jeito
que em mil anos não posso achar uma hora.

Se me pergunta alguém porque assi ando,
respondo que não sei; porém suspeito
que só porque vos vi, minha Senhora.
21 de Março, 2006

A arte da Cusquice

Vera Gomes
Hoje no autocarro cruzei-me com duas personagem singulares. De facto, os autocarros da Carris são um ponto de encontro com pessoas deveras sui generis.

Estas duas senhoras já com uma certa idade, quase quase se pode afirmar que estão na 3ª idade, alegremente seguiam sentadas a cuscar sobre tudo e mais alguma coisa. Não houve vizinha que escapasse à suas investidas viperinas nem os pobres trauseuntes na rua que apressadamente e ainda sonolentos tentatavm chegar a algum lado.

Logo pela manhã, ouvir a "Caras" versão Não Jet Set custa. Parece que a Maya com as suas rubricas cor-de-rosa matinais (eu sei porque estive doente e tive que levar com ela) está a influenciar grande parte da população feminina que tenta seguir o seu exemplo e começa logo de manhãzinha com tertúlias de escárnio e maldizer! Tenham dó!